A Escola Villare acredita na importância da formação constante de seus profissionais, por isso investe constantemente em viagens pedagógicas em busca de inovações pedagógicas, tendo em vista seus elevados padrões de qualidade de ensino.

Como parte dos estudos desenvolvidos por nossa equipe, aprofundamo-nos constantemente na abordagem educativa de ReggioEmilia, cidade italiana de referência mundial em educação para a primeira infância, reconhecida por respeitar a individualidade da criança como protagonista de seus aprendizados.

Na última semana, Ivone Vilardi (Diretora Geral), Lígia Colonhesi (Diretora do Ensino Fundamental), Silvana Lopes (Diretora da Educação Infantil) e Talita Vermiglio (Comunicação e Documentação Pedagógica) representaram a Escola Villare no “Grupo de Estudio para Latinoamérica: Una mirada cerca a La Casa Amarilla”, em Lima no Peru.

Nossa equipe teve a oportunidade de conhecer algumas unidades de La Casa Amarilla, o Colégio Áleph e a Escola La Cometa, instituições que têm como inspiração as escolas italianas de Reggio Emilia.

Foram dias intensos de muito estudo e trocas significativas. Nossa equipe participou de oficinas, dinâmicas e palestras, que proporcionaram momentos de diálogo e reflexão.

Os conhecimentos adquiridos através desta viagem, certamente proporcionarão novas experiências nas práticas educacionais da Escola Villare.

[nggallery id=3927 images=18]

Com o intuito de ampliar conhecimentos pedagógicos, a Equipe de Coordenação e de Documentação Pedagógica do Infantil, Cilene, Márcia e Julia, participou entre os dias 21 e 24 de abril, em Lima no Peru, de uma viagem de estudos.

Na companhia de educadores de outras regiões do Brasil, a equipe visitou algumas escolas de Educação Infantil e Ensino Fundamental. Entrou em contato com propostas de trabalho semelhantes às realizadas na Escola Villare, o que acrescentou possibilidades e confirmou o valor do trabalho que desempenhamos.

Foram diálogos e trocas de experiências bem produtivas! A Escola Villare, mais uma vez, esteve presente e participante num encontro que muito valorizou o intercâmbio de conhecimentos.

[nggallery id=3481 images=10]

Coordenação Pedagógica

 

 

 

A Escola Villare, de Educação Infantil, segue estudando e criando alternativas de aprendizagem inspiradas na abordagem de Reggio Emilia, cidade italiana de referência mundial em educação para a primeira infância, reconhecida por respeitar a individualidade da criança como protagonista de seus aprendizados.

Desde 2009 a equipe tem participado de viagens pedagógicas, a essa cidade, em busca de ideias, inovações e novas inspirações.

Neste mês de maio, Ivone Vilardi (Direção), Silvana Lopes (Vice-direção), Talita Vermiglio e Julia Vilardi (Comunição e Documentação Pedagógica), representaram a equipe da Educação Infantil, em um grupo de estudos em Reggio Emilia.

IMG_1811

Visitaram as escolas locais e participaram de palestras ministradas por educadores e atelierístas, que compartilharam sobre seus trabalhos.
[nggallery id=2076 images=9]

 

Esse grupo de estudos, organizado pela RedSolare, composto por educadores de diversos países da América Latina, permitiu uma intensa troca de experiências, diálogos, reflexões e aprendizados significativos.

IMG_1970

Desta forma a Escola Villare continua investindo na qualidade de suas práticas educacionais.

Entre os dias 12 e 22 de abril, Silvana Lopes, vice-diretora da Educação Infantil, e Ligia Berenguel, vice-diretora do Fundamental I, representaram a equipe da Villare em uma viagem de estudos a Nova York, com objetivo de conhecer outras práticas escolares de uso da tecnologia e de ensino através da arte.

[nggallery id=1943 images=5]

A visita a escolas de diversas localidades do mundo é prática constante de nossa equipe, sempre com o intuito de arrecadar novos elementos que contribuam com o avanço do trabalho realizado nos diferentes segmentos da Villare.

No ano passado, a equipe de gestão da escola visitou escolas da Califórnia, Itália e Peru. Em 2015, além da visita às escolas dos Estados Unidos, estão previstas outras viagens pedagógicas para escolas na Europa.

Visando ampliar conhecimentos pedagógicos, educadoras e equipe de Coordenação e Direção da Educação Infantil participaram, nos dias 5 e 6 de abril, em Salvador, Bahia do curso “Transformando Ambientes para Aprendizagem” com o atelierista colombiano Juan Carlos Melo Hernández. 

Na companhia de educadores de outras regiões do Brasil, tivemos um diálogo bem produtivo de como os ambientes são organizados para gerar aprendizagens dentro do espaço educativo.

Agradecemos à ESSE Consultoria e à Escola da Infância, representadas por Marília Dourado e equipe, pela atenção e oportunidade desse intercâmbio de conhecimentos, que nos levou a tantos diálogos, confirmações e inquietações.

[nggallery id=285]

Visando ampliar o uso de tecnologias aplicadas à educação, a Direção da Escola Villare foi a campo em busca de ideias e inovações.

No período de 16 a 25 de março, participamos da Expedição Mobile Learning nos EUA com o objetivo de conhecer novas formas de aplicação de recursos tecnológicos envolvendo, especialmente, a tecnologia móvel.

O grupo contou com a participação de gestores e coordenadores de renomadas instituições de São Paulo e visitou MIT e STANFORD – os dois maiores centros de referência em pesquisa e desenvolvimento de tecnologias com grupos voltados à área educacional.

Edifício de Media Lab no MIT - Massachusetts Institute of Technology

Edifício do Media Lab no MIT – Massachusetts Institute of Technology

O programa também incluiu visitas a escolas em Nova Iorque e São Francisco, onde foi possível verificar a aplicação de novas ferramentas tecnológicas, bem como a organização e estrutura dos recursos colocados à disposição dos alunos.

Outro ponto forte da viagem foi a visita a um centro de treinamento tecnológico voltado à formação de professores, que despertou grande interesse de todos, dada a importância do papel do professor no uso da tecnologia na escola.

A Escola de Eduação de Stanford foi um dos locais visitados pela direção da Escola Villare

A Escola de Eduação de Stanford foi um dos locais visitados pela direção da Escola Villare

Esta Expedição possibilitou a todos os participantes reavaliar práticas, rever conceitos e ampliar possibilidades de uso da tecnologia para fins educacionais. Em uma época em que os avanços nesta área ocorrem velozmente e demandam atualização constante, nada mais produtivo do que buscar em centros de referência no assunto, as respostas para as nossas inquietações e desejos de aprimoramento.

 

 

Confiram fotos da Expedição Mobile Learning.

[nggallery id=280]

As ricas experiências vividas com as crianças na Educação Infantil nos levaram aos Estados Unidos, mais especificamente à Kansas City, no Missouri.

Nesta recente viagem, nossa equipe pedagógica teve a oportunidade de conhecer a Escola Bambini Creativi, que como a Villare, tem na abordagem das escolas italianas de Reggio Emilia inspiração para proporcionar às crianças diferentes experiências para brincar, criar, interagir e conhecer.

Em uma intensa troca de experiências, nossa equipe conheceu outras possibilidades de organização do espaço e dos materiais, bem como pode apresentar diversas situações de aprendizagem vividas diariamente em nossa rotina.

Certamente as fotos revelam toda a riqueza desta viagem de estudo e atualização, mostrando como foi produtiva esta experiência.

Confira alguns momentos…

 

Tivemos a oportunidade de conhecer a rotina da escola e dos alunos, e participamos de momentos de profundo diálogo:
[nggallery id=274]

Nossos alunos prepararam diversas informações sobre o Brasil e essas foram expostas em um portfólio que levamos de presente aos alunos da Bambini Creativi:
[nggallery id=279]

Os alunos receberam o presente com muito carinho e interesse, uma vez que puderam conhecer um pouco mais sobre o nosso país:
[nggallery id=276]

Os alunos da Bambini também prepararam presentes para os alunos da Villare:
[nggallery id=277]

Compartilhamos nossa experiência com nossos alunos e professores:
[nggallery id=278]
A parceria iniciada através desta viagem, certamente proporcionará novos frutos ao trabalho da Educação Infantil, já tão enriquecido pelo contínuo trabalho de formação realizado junto aos nossos professores.

 

Visando ampliar conhecimentos pedagógicos, as Equipes de Coordenação do Infantil e do Fundamental I e algumas professoras participaram,nos dias 10 e 11 de agosto, em Sorocaba, do 8º Seminário de RedSOLARE Brasil 2012 – “Vozes que transformam: Infância, um fio de esperança permanente”.

Na companhia de educadores de outras regiões do Brasil, participamos de um espaço aberto e democrático entre escolas públicas e privadas.

Foi um diálogo bem produtivo a respeito de experiências vividas em Escolas de Educação Infantil de Reggio Emília – Itália (referência em Educação Infantil) e relatos também de escolas brasileiras.

A Escola Villare, mais uma vez, esteve presente e participante num encontro que muito valorizou o intercâmbio de conhecimentos.

[nggallery id=194]