A diversão só aumenta em nossas férias!

A segunda semana de férias foi de muito agito e criatividade.

Tecidos ganharam vida ao serem transformados em personagens e outros objetos para fomentar as brincadeiras.

Na terça-feira a arte ultrapassou a largura e altura e ganhou profundidade!

Utilizamos diferentes materiais para realizar criações 3D. Neste dia, tivemos brincadeiras deliciosas. Para a culinária especial, as crianças organizaram o cenário de uma lanchonete e ofereceram sanduíches uns para os outros.

No faz de conta, o frio não impediu brincadeiras com bola e, muito menos, que a sorveteria fizesse sucesso.Também os animais receberam cuidados mais que especiais no consultório veterinário.

O almoço especial desta semana levou nossas crianças para o  outro lado do mundo: o Oriente. Eles produziram uma decoração típica, inclusive mensagens positivas para biscoitos da sorte.

“Abracadabra, sim sala bim” e outras palavras auxiliaram nossos mágicos no show que prepararam. Palmas, risadas e pipoca marcaram as apresentações.

É mês de julho, sô! E para encerrar a semana o nosso arraiá de férias coloriu a escola e proporcionou muitos sorrisos.

Na próxima semana teremos momentos especiais com música, cultivo, experimentações, culinárias e muito mais.

Aguardem notícias, serão momentos especiais!

 

Diversão nas férias

Propostas de valorização da imaginação e do brincar estão proporcionando muita diversão em nossas férias.  Uma deliciosa e colorida festa, criações com terra, esportes e brincadeiras populares como ioiô, pião e taco deram início às vivências que teremos ao longo do mês de julho.

O clima é de muita alegria por toda parte!

Exposição temporária de brinquedos e brincadeiras

O que é memória? O que você guarda na memória? Estas entre outras perguntas serviram de ponto de partida para que os alunos do 2º ano entendessem o valor dos documentos históricos através dos brinquedos de suas famílias.

Para expressar esse conteúdo organizaram uma exposição temporária em que selecionaram brinquedos para o acervo da exposição, estabeleceram critérios para a escolha das peças que fariam parte da coleção e escreveram as fichas técnicas de cada brinquedo levando em consideração o ano, fabricante e também uma memória afetiva relacionada ao brinquedo. Os alunos também pesquisaram as brincadeiras de seus pais, conhecendo um universo diferente do que vivem atualmente.

Durante o percurso de estudo as crianças compreenderam que os brinquedos revelam um tempo, um modo de ser e as memórias vividas, desta forma a exposição além de valorizar o objeto ela também resgatou a importância da experiência vivida.

Para saber mais, visite a Exposição temporária de brinquedos e brincadeiras no Museu Histórico Municipal situado na Rua Maximiliano Lorenzini, 122 – Bairro Fundação.

Clique aqui e acesse o catálogo de brinquedos.

Nas noites árabes…

No projeto “Nas noites árabes” os alunos entraram em contato com diferentes contos árabes e analisaram suas características, ampliando seu repertório de contos conhecidos.

Conhecer diferentes culturas é importante para quem está tratando de entender o mundo em que vive. Desta forma, este trabalho permitiu aos alunos perceberem que diferentes costumes e valores têm sua razão de ser em determinados contextos históricos e sociais. Ampliaram assim, a visão sobre o mundo e aprenderam a respeitar tais valores.

Aos alunos, foi contada a história de Sherazade, esposa do sultão mais temido da literatura, porque se casava e matava a esposa no dia seguinte. Quando chegou a vez de Sherazade, ela, muito esperta, começou a lhe contar histórias, uma por noite, interrompendo a narrativa no momento mais curioso. Assim, ele acabava por não matá-la, pois queria ouvir o final no dia seguinte. Isso durou mil e uma noites…

O desafio dos alunos foi produzir mais um conto que poderia integrar esta coletânea, considerando as características deste gênero narrativo.

Em paralelo, realizaram leituras a respeito dos lugares, povos árabes, cenários, personagens, com vistas à ampliação do universo cultural e contextualização das narrativas, além de valorizarem a oralidade como forma de transmissão de saberes por meio de seus contos.

Nos dias 26, 27 e 28 de junho, os alunos receberam familiares e amigos em um espaço especial, com tecidos, luzes e objetos que remetiam às noites orientais para compartilhar o produto final deste projeto, um belo livro de contos de autoria.

Quem me navega é o mar…

O Projeto Arte-Ciência integra diferentes áreas do conhecimento na resolução de desafios relacionados a um mesmo tema. Divididos em pequenos grupos, os alunos têm como objetivo o desenvolvimento de habilidades através de propostas que instigam pesquisas e descobertas.

O tema “Quem me navega é o mar” foi uma forma poética de despertarmos a curiosidade das crianças para os desafios que seriam propostos.

Diferentes materiais e experiências promoveram o encontro da criança com a pesquisa científica, a tecnologia e o universo poético trazido pelo mar, que serviu de disparador e provocador de ações cênicas, permitindo improvisos e diversas criações de personagens, lugares e situações.

Ampliaram o repertório de cantigas, literatura e brincadeiras, além de produzirem arte utilizando a linguagem corporal e visual a partir das sensações e inspirações que o tema proporciona.

Para a aula aberta selecionamos algumas produções para apresentar às famílias: pinturas de mapas, instalações, constelações de led, a narração do um conto tradicional brasileiro, “O pescador, o anel e o rei” utilizando técnicas teatrais e uma cantiga de Dorival e Caymmi, “O mar”, na qual é possível apreciar que a canção se movimenta como ondas em variações constantes de acordo com a história cantada.

 

3º Etapa – Tênis de Mesa – Circuito Escolar

Nossos atletas de Tênis de Mesa participaram da 3º etapa da modalidade no Circuito Escolar, que foi realizada no dia 03 de junho de 2017.

Confiram abaixo os resultados:

  • Rian Fonseca Cabaleiro (Cat. Sub 09 masculino) – 1º colocado – série prata
  • Maria Clara Talavera (Cat. sub 11 feminino) – 3º colocado – série ouro.
  • Arthur Dias Bonavolonta (Cat. Sun 11 masculino) – 1º colocado – série prata

Parabenizamos os atletas pelo empenho e seriedade com que participaram da competição.

Já iniciamos a preparação para a 4º etapa, que acontecerá no segundo semestre. Aguardem notícias.

VIII Festival de Tênis de Mesa

No dia 20 de maio foi realizado em nosso Espaço Poliesportivo o VIII Festival de Tênis de Mesa da Escola Villare. O evento contou com a participação de nossos alunos e convidados do Círculo Italiano de São Caetano do Sul.

Cerca de 75 alunos participaram dos jogos, que foram disputados em diversas categorias, divididas por faixa etária e nível técnico.

Depois da premiação dos alunos foi realizado o “momento do desafio com os pais”, quando os participantes deveriam devolver um saque do Prof. Nelson.

Os vencedores do desafio foram premiados com uma bola de tênis de mesa.

Parabéns a todos os alunos e pais pela participação no evento!

Cantigas, Parlendas e Brincadeiras

As cantigas, brincadeiras e parlendas fizeram parte da rotina das crianças neste último trimestre.  Elas brincaram, recitaram, cantaram e aprenderam junto com a diversão.

Exploraram as rimas, o ritmo dos textos e a construção das palavras. Arriscaram leituras, usando os livros como apoio. Discutiram em pequenos grupos a escrita das estrofes das parlendas e representaram as cantigas e pequenos poemas por interessantes desenhos.

Tiveram momento de integração com outras turmas, no qual aprenderam novas cantigas e brincadeiras uns com os outros.

Ao se prepararem para o Sarau, imaginaram diversas possibilidades para se apresentarem para as famílias. Construíram os instrumentos musicais nas aulas de arte, ensaiaram as músicas preferidas nas aulas de musicalização e recitaram uns para os outros as melhores parlendas.

Por fim, chegou o Sarau!  Um friozinho na barriga das crianças e muita expectativa de como seria aquele momento tão esperado. O compromisso de apresentar as parlendas preferidas, os gestos e as coreografias que montaram, o ritmo com os instrumentos musicais confeccionados por eles, as músicas infantis escolhidas, após explorarem a obra A Arca de Noé, de Vinícius de Moraes e tantos outros detalhes deste encontro ao cair da tarde, junto às famílias.

Foi com muita empolgação que as crianças se apresentaram, da mesma maneira que as famílias participaram com lindas canções compondo um grande coral. Para finalizar, todos brincaram e cantaram juntos, em rodas e se emocionaram em resgatarem gostosas brincadeiras.

Alguns depoimentos dos alunos:

 

“Tudo está tão bonito e emocionante”    

                                               “Precisamos ensaiar bem bacana, para uma linda apresentação”

“Nossa!  Esta é a primeira vez que eu participo de um Sarau”

                                                “Estou ansioso para a apresentação do Sarau!”

  

“Sarau, também conhecido como Serão, na sua definição mais completa é uma festa literária noturna. É um momento de encontro das grandes artes. Nele acontecem as leituras de textos literários, interpretações teatrais, declamações de poemas e apresentações musicais. O Sarau é uma forma de ligação entre o eu interior e a palavra.” (Site – Significados – Sarau)

 

  

HAVIA UM MENINO

Havia um menino
que tinha um chapéu
para pôr na cabeça
por causa do sol.

Em vez de um gatinho
tinha um caracol.
Tinha o caracol
dentro de um chapéu;
fazia-lhe cócegas
no alto da cabeça.

Por isso ele andava
depressa, depressa
p’ra ver se chegava
a casa e tirava
o tal caracol
do chapéu, saindo
de lá e caindo
o tal caracol.

Mas era, afinal,
impossível tal,
nem fazia mal
nem vê-lo, nem tê-lo:
porque o caracol
era do cabelo.

Fernando Pessoa

 

 

 

 

Making of:

 

X Festival de futebol – 4º e 5º anos

Neste sábado, dia 13/05, no Espaço Poliesportivo e Cultural, foi realizado o X Festival de Futebol da Escola Villare para alunos de 4º e 5º ano.

O festival reuniu um total de 42 participantes, divididos em diferentes times. A cada jogo disputado, os familiares vibravam e comemoravam na arquibancada.

Foi uma oportunidade de mostrar o trabalho desenvolvido neste semestre, assim como as conquistas e os avanços dos alunos neste período.

 Parabéns a todos os participantes! Aproveitamos para agradecer os pais e familiares pelo incentivo e apoio aos nossos atletas!