Memória, história e cultura são conceitos importantes no currículo da Escola Villare, ganhando diferentes dimensões e abordagens no trabalho em Ciências Sociais.

Com base nestes importantes conceitos os alunos do 2º ano realizaram um percurso de pesquisa e investigação sobre os brinquedos e brincadeiras da infância de seus pais para a montagem da Exposição Temporária de Brinquedos e Brincadeiras.

A Exposição permite ao visitante explorar o universo dos brinquedos e brincadeiras infantis através dos tempos, observando alternâncias e permanências com os brinquedos atuais.

A ideia é olhar tanto para o brinquedo como para o brincar, valorizando sua importância em nossa sociedade.

E, por fim, propor interações que nos façam perceber que o enredo que queremos para nossa vida individual e coletiva está no sentido que damos para cada coisa – seja para um brinquedo ou uma brincadeira. Tudo depende exclusivamente da experiência que nos propomos a construir.

Silvia Naldoni Gallo
Coordenadora Pedagógica

Catálogo de Brinquedos

Pião

Data de fabricação: 2004
Fabricante: Brinquedo artesanal.
Curiosidade: Esse brinquedo existe em quase todos os países do mundo.
Memória vivida: O primo da Sophia, Artur, ganhou de sua mãe quando tinha dois anos.

Boneca de porcelana

Data de fabricação: 1987
Fabricante: Feito de forma artesanal.
Curiosidade: A boneca de porcelana é feita a partir de argila pura. Nesse processo, o material acaba ficando mais refinado e delicado.
Memória vivida: Sonia, mãe da Letícia, ganhou do pai e guarda até hoje com muito carinho.

War 2

Data de aquisição: 1972
Fabricante: Grow
Curiosidade: Esse jogo reúne toda a família para passar um tempo juntos.
Memória vivida: A mãe do Murilo, Daniela, ganhou quando fez quatorze anos e ficou muito feliz.

Pégasus

Data de fabricação: 1983
Fabricante: Estrela
Curiosidade: Ele foi o sonho de muitas crianças.
Memória vivida: O pai de Gabriel, Fábio, levava o carro no parque do Ibirapuera e as pessoas ficavam admirando  porque parecia que estava andando sozinho.

 Fantoche

Data de aquisição: 1972
Fabricante: Brinquedo artesanal
Curiosidade: Esse fantoche é um fantoche três em um porque ele tem o lobo, a vovozinha e o Chapeuzinho Vermelho.
Memória vivida: Pertenceu à avó de Maria Eduarda, depois à mãe de Maria Eduarda, chamada Luciane e hoje pertence à Maria Eduarda.

Carros em miniatura

Data de aquisição: 1981
Fabricante: Desconhecido
Curiosidade:  Os carrinhos em miniatura existem desde o surgimento da utilização do automóvel.
Memória vivida: O pai da Julia, Robson,  ganhou o carrinho do seu pai quando foi internado para fazer uma cirurgia. Ele brincou no quarto do hospital enquanto se recuperava.

Pepe legal

Data de aquisição: 1996
Fabricante: Hanna-Barbera
Curiosidade: Esse brinquedo veio dos Estados Unidos e foi série de desenhos na TV aqui no Brasil.
Memória vivida: Elaine, mãe de Heloísa, assistia o desenho do Pepe Legal todas as tardes depois que chegava da escola.

Coelho Pascoal

Data de aquisição: Década de 60
Fabricante: Estrela
Curiosidade: O coelho é feito de borracha e seus olhos se movimentam.
Memória vivida: Esse coelho pertence à tia avó de Júlia. A mãe de Julia, Juliana, lembra-se de quando era pequena e via o coelho enfeitando o quarto da tia.

Super Rally

Data de aquisição: anos 80
Fabricante: Estrela
Curiosidade:   Esse carro bate nos obstáculos e volta. Também acende as luzes e abre o capô.
Memória vivida: O pai da Lara e seu irmão apagavam as luzes da sala e ficavam correndo atrás do carrinho bate e volta que acendia as luzes e iluminava a sala.

Mini ônibus

Data de aquisição: 1977
Fabricante: Matchbox
Curiosidade: Tem muitos detalhes e parece mesmo um ônibus de verdade.
Memória vivida: Douglas, pai da Julia, tinha mandado uma carta pelo correio para o Papai Noel pedindo um ônibus. No dia de Natal, ganhou uma linda e grande caixa. Ao abrir encontrou o ônibus!

Estilingue

Data de fabricação: anos 80
Fabricante: Brinquedo Artesanal
Curiosidade: O estilingue podia ser feito de diferentes materiais.
Memória vivida: O brinquedo era muito usado quando a família de Gian, pai do Raphael, viajava para o sítio, ele e os primos brincavam de acertar alvos.

Macaco Murfy Xerife

Data de fabricação: anos 90
Fabricante: Estrela
Curiosidade: Nos anos 90, todo mundo queria ter a coleção de macacos. Eram muitos modelos diferentes.
Memória vivida: O macaco Murfy foi presente de aniversário de 5 anos de Marcela, Tia do Raphael, ela achava o Murfy Xerife o mais fofo da coleção. O brinquedo sempre estava em suas brincadeiras com os amigos.

Vai e Vem

Data de fabricação: anos 80
Fabricante: Mimo
Curiosidade: Hoje este brinquedo pode ser comprado, mas também podemos construir usando sucatas.
Memória vivida: Era o brinquedo favorito para brincar no quintal, Carla mãe do Raphael, gostava muito de brincar com a irmã. Elas achavam muito legal ver toda família se juntar para brincar.

Genius

Data de fabricação: 1986
Fabricante: Estrela
Curiosidade: O Genius fez muito sucesso nos anos 80. Há uns dois anos o brinquedo apareceu novamente nas lojas de brinquedos, muito parecido com o do passado e também uma versão bem pequena.
Memória vivida: Patrícia, mãe da Bianca, jogava Genius com os primos no quintal da casa dos avós, eles achavam o brinquedo muito divertido e gostavam de fazer campeonatos.

Master System

Data de fabricação: 1990
Fabricante: Tec Toy
Curiosidade: Um dos jogos de mais sucesso do Master System nos anos 90, era o Sonic.
Memória vivida: O jogo que Rogério, pai da Bianca, mais gostava de jogar era o Super Tennis, de tanto jogar este jogo, Rogério ficou craque nas regras do jogo de Tênis.

Caminhão de bombeiro

Data de fabricação: 1984
Fabricante: Estrela
Curiosidade: O caminhão tinha escada e tocava sirene muito parecida com o caminhão de bombeiro de verdade.
Memória vivida: Marcos, pai da Gabriela, brincava com o caminhão na casa dos avós. Junto com o avô Ernani, passava a tarde toda brincando.

Boneca musical – Bela

Data de fabricação: 1985
Fabricante: Desconhecido
Curiosidade: Quando damos corda na boneca, ela toca uma música que parece de ninar.
Memória vivida: Luciana, mãe da Ana Clara ganhou a boneca nas férias de julho de 1985. A boneca ficava no criado mudo de seu quarto e antes de dormir, Luciana sempre ouvia a linda música que tocava a bonequinha.

Atari

Data de fabricação: 1985
Fabricante: Polyvox
Curiosidade: O Atari foi um dos primeiros videogames lançado no Brasil.
Memória vivida: Jorge, pai do Luis Eduardo, adorava jogar Atari com os irmãos. Os jogos que ele mais gostava de jogar eram “Yars revenge e Smurfs”.

Ursa Peposa

Data de fabricação: anos 80
Fabricante: Gulliver
Curiosidade: Tinha uma família desses ursinhos, o papai Peposo, a mamãe Pesosa e os filhinhos.
Memória vivida: Thais, mãe da Clara, gostava muito de brincar com a Peposa que era da Tia Célia, brincava na casa da bisa Lourdes.

Pula Pirata

Nome do brinquedo: Pula Pirata
Data de fabricação: anos 80
Fabricante: Estrela
Curiosidade: O brinquedo é antigo, mas voltou a ser fabricado com algumas pequenas mudanças nos dias de hoje.
Memória vivida: Kátia, mãe do Lucca, ganhou o brinquedo dos pais em um Natal. A primeira vez que o pirata pulou… e sua irmã levaram um baita susto.

Boneca Quem-me-quer

Data de fabricação: 1985
Fabricante: Estrela
Curiosidade: A história da Boneca Quem me quer tem início em Cleveland, uma grande cidade nos Estados Unidos, em 1978. Um homem chamado Xavier Roberts havia criado algumas bonecas de pano e começou a vendê-las em feiras de artesanato dentro da cidade. Na época, as bonecas de Roberts eram chamadas de Little People.
Memória vivida: Este foi o último presente do “Dia das crianças” da Karen mãe da Luiza, pois nesta época ela já tinha 13 anos. A boneca foi sua companhia por muito tempo e guardou com muito cuidado para que a Luiza, sua filha, pudesse brincar com ela também.

Pianinho Hering

Data de fabricação: 1970
Fabricante: Hering
Curiosidade: A marca “Hering” contava com uma série de brinquedos musicais, de pianinhos à flautas e saxofones.
Memória vivida: A Josiane, mãe da Manoela, tocava dó-re-mi-fá.

Poliopticon

Data de aquisição: 1985
Fabricante: D.F.Vasconcellos
Curiosidade: Ele possui um conjunto de peças que inclui vários instrumentos de precisão óptica, como a tele lupa de imagens invertida, o binóculo tipo Galileu, a luneta astronômica…
Foi um brinquedo muito interessante, tanto para adultos quanto para crianças, mostrando que a ciência pode ser uma divertida brincadeira!
Memória vivida: O pai do Thomas pegava vários tipos de insetos e ficava observando os detalhes com as lentes de aumento do brinquedo.

Olívia Palito

Data de fabricação: 1978
Fabricante: Brastaifa
Curiosidade: Além da boneca da Olívia, a coleção ainda contava com os bonecos do Popeye, do Brutus e do Dudu.
Memória vivida: O desenho do Popeye foi um sucesso por muitos anos e a Karen, mãe da Luiza, era fã da Olívia. Quando lançaram os bonecos, ela ganhou a Olívia e por ser uma boneca pequena, ela a levava em todos os lugares.

Pipi, o cachorrinho levado-da-breca

Data de fabricação: anos 80
Fabricante: Estrela
Curiosidade: Pipi, o cachorrinho levado-da-breca, foi um grande lançamento da Estrela na década de 80. O brinquedo funcionava a pilha, andava, mexia o rabinho e ainda fazia pipi!
Memória vivida: Quando criança, Angélica mãe da Beatriz, queria muito um cachorrinho de verdade, mas sua mãe não deixava. Então ela amava passear com seu cachorrinho Pipi que era levado da breca, pois ele andava, mexia o rabinho, latia, mexia a cabeça e ainda levantava a patinha para fazer xixi. Era um de seus brinquedos preferidos

Fievel

Data de fabricação: 1987
Fabricante: Universal Studios
Curiosidade: Fievel, Um Conto Americano” é um longa metragem de 1986, criado por David Kirshner e produzida pela Universal e pela Amblin Entertainment de Steven Spielberg.
Memória vivida: Foi na sua primeira viagem aos Estados Unidos que Cristiane, mãe da Eduarda, encontrou o Fievel em um dos parques e comprou (ela já havia assistido ao filme). Ele virou seu companheiro de viagem e sua pelúcia favorita.

Palhaço Peralta

Data de fabricação: +/- 1970
Fabricante: Estrela
Curiosidade: O boneco Palhaço Peralta foi um brinquedo lançado pela fabricante Estrela em 1970, e foi produzido para ser usado como móbile para os berços das crianças. Entretanto, de tão legal que era, foi brinquedo também de crianças mais velhas!
Memória vivida: Vitor, pai da Rafaella, conta que esse brinquedo ficava pendurado ao lado de sua cama, e quando puxava a fita que ficava na parte debaixo ele erguia as pernas, os braços e fazia um barulho, e esse barulho assustava as pessoas, era muito divertido. Ele fazia de conta que não existia a fita e que era mágica ele levantar as pernas e os braços.

Fofão

Data de fabricação: Década de 80
Fabricante: Mimo
Curiosidade: O Fofão foi um personagem que participou de vários programas infantis na televisão brasileira.
Memória vivida: Amanda, mãe do Enzo, se lembra de dançar, assistindo o fofão no Balão Mágico e de ouvir suas músicas ainda em disco de vinil, ela adorava.

Stratus

Data de fabricação: 1980
Aquisição:1981
Fabricante: Estrela
Curiosidade: Stratus foi o primeiro carro de controle remoto fabricado pela estrela.
Memória vivida: Foi em uma noite de Natal, com a família toda reunida que Denis, pai da Pietra ganhou o stratus, era o brinquedo do momento, tinha um controle remoto, e o carro fazia o som de um motor ligado e os faróis ascendiam. Ele brincava até acabar as baterias, lembra também que seus amiguinhos também tinham o stratus, mas em outras cores, o dele era vermelho e ele adorava.

Fofy Dogs

Data de aquisição:  1992
Fabricante: Estrela
Curiosidade: Lançados pela Estrela em 1990, a coleção de cachorrinhos Fofy Dogs foi um grande sucesso!
Memória vivida: Mariana, mãe da Alanis, conta que ganhou o cahorrinho de um amigo da escola em seu aniversário de 11 anos. Conta que brincou muito com as amigas e que colecionavam as raças dos cachorros. Penteavam, faziam “Maria chiquinha”, pois o pêlo era igual aos cabelos das bonecas. Diz que o “Fofy Dogs” deixou muitas recordações legais desta época.

Boneca Fofolete

Data de fabricação: anos 70
Fabricante: Estrela
Curiosidade: As meninas eram loucas para ter a coleção de bonequinhas Fofoletes. Elas vinham em uma caixinha bem, bem pequena.
Memória vivida: Karina, mãe do Felipe, quando ganhou sua primeira Fofolete, ficou encantada. Adorava brincar de casinha, mamãe e filhinha e colocá-la para dormir fazendo a caixinha de caminha.

Cachorro Xereta

Data de fabricação: anos 80
Fabricante: Estrela
Curiosidade: O brinquedo é antigo, mas voltou a ser fabricado com algumas pequenas mudanças.
Memória vivida: O cachorro Xereta era o companheiro de Kelly, mãe da Marcela, em todas as brincadeiras e em todos os lugares. Ele tinha uma almofadinha para dormir e pratinhos, como se fosse um cãozinho de verdade.

Jogo de botões

Data de fabricação: 1982
Fabricante: Desconhecido
Curiosidade: Existem muitos tipo de jogos de botões e de diferentes materiais.
Memória vivida: André, pai do Lorenzo lembra de um torneio entre os amigos que valia um troféu de verdade. A final foi entre André e um amigo, mas o pai de Lorenzo venceu.

Coleção Moranguinho

Data de fabricação: anos 80
Fabricante: Estrela
Curiosidade: As bonequinhas vinham com cheirinhos de frutas que eram uma delícia, a roupinha, o cabelinho, tudo era bem perfumado.
Memória vivida: Ana Paula, mãe da Martina, ganhou a primeira boneca quando tinha 6 anos e aos poucos ela foi montando sua coleção. Ela adorava trocar as roupinhas e os acessórios, para sentir misturar os cheirinhos das frutas.

Super Trunfo

Data de fabricação: 1988
Fabricante: Grow
Curiosidade: O Super Trunfo é um jogo de desafios, que até hoje faz muito sucesso. Tem de animais, carros e muitos outros.
Memória vivida: Luciano, pai do Luigi brincava muito com os amigos na praça em frente a sua casa.

Boneco Robertinho II

Data de fabricação: 1950
Fabricante: Desconhecido
Curiosidade:
Memória vivida: O primeiro Boneco Robertinho que Vera, Tia de Luiza teve, caiu da janela e quebrou a cabeça. Quando ela ganhou o segundo Robertinho, cuidou muito bem dele.

Carrinhos Coca-cola

Data de fabricação: anos 90
Fabricante: Desconhecido
Curiosidade: Os carrinhos faziam muito sucesso nos anos 90, todas as crianças queriam fazer sua coleção.
Memória vivida: A família de Gustavo, pai do Gabriel, colecionava os carrinhos. Ele e o irmão adoravam brincar na sala de casa.

Pedal-Car

Data de fabricação: 1910
Fabricante: Desconhecido
Curiosidade: A bicicleta foi pensada para todas as crianças, desde as mais velhas pedalando sozinhas e também as mais novas, que podiam ser puxadas pelos irmãos.
Memória vivida: Marcelo, pai de Brenda e Lais, lembra que era um brinquedo que estava nos lares de muitas crianças e que muitas vezes era o único brinquedo da casa.

Patinete

Data de fabricação: 1930
Fabricante: Connor Industries
Curiosidade: Fabricado com materiais resistentes, o Patinete foi feito para durar muitos anos.
Memória vivida: Marcelo, pai de Brenda e Lais, lembra que todo mundo adorava brincar, para as crianças o brinquedo era uma novidade.

Kombi

Data de fabricação: aproximadamente ano 2000
Fabricante: Desconhecido
Curiosidade: Fabricado com materiais resistentes, o Patinete foi feito para durar muitos anos.
Memória vivida: João, pai de Fernanda lembra que o rádio da Kombi quebrou e deixou de funcionar, mas que hoje gosta de brincar de carrinho com a Fernanda.

Pense Bem

Data de fabricação: 1988 (no Brasil)
Fabricante: Tec Toy
Curiosidade: A Tec Toy lançou o primeiro Pense Bem em uma época que a informática avançava no Brasil. Agora, para comemorar os 30 anos, ele foi relançado.
Memória vivida: A Tamires, mãe da Catarina, aprendeu fazer as primeiras contas com esse brinquedo.

Super Nintendo

Data de fabricação: 1990 (no Japão) e 1993 (no Brasil)
Fabricante: Nintendo
Curiosidade: O jogo Street Fighter, jogado no Super Nintendo e no Mega Drive,  vendeu 14 milhões de cópias.
Memória vivida:  A Tamires, mãe da Catarina, era “enganada” pelos irmãos, jogando com um controle que não estava conectado no jogo!

Emilia

Data de fabricação: 1977
Fabricante: Estrela
Curiosidade: A boneca foi baseada na atriz Dirce Magliaccio, que fez o papel de Emília, na série, em 1977.
Memória vivida: A Claudia, mãe do Leonardo, imaginava as aventuras do Sítio, enquanto brincava com sua boneca.

Estação Espacial Playmobil

Data de fabricação: 1975 (Chegou ao Brasil)
Fabricante: Troll
Curiosidade: Existem vários tipos de Playmobil como piratas, família, policiais e até estação espacial, imitando a chegada do homem na Lua, em 1969.
Memória vivida: O Eduardo, pai do Leonardo, ficava no quarto inventando histórias com seus bonecos.

Colossus

Data de fabricação: 1984
Fabricante: Estrela
Curiosidade: O carro de controle remoto fez sucesso, devido ao seriado The Fall Guy (no Brasil, Duro na Queda), pois era o carro do protagonista da série.
Memória vivida: O Marcelo, pai da Júlia, brincava com seu carro na rua, superando obstáculos, junto com os amigos e primos.

Donkey Kong

Data de fabricação: 1981
Fabricante: Nintendo
Curiosidade: Foi neste jogo que o famoso Mário, apareceu pela primeira vez para salvar Pauline de seu inimigo, o Donkey Kong.
Memória vivida: O Jean, pai da Letícia, brincava de vídeo game com os irmãos.  O brinquedo funciona até hoje!

Trencotreco

Data de fabricação: Década de 80
Fabricante: Glassite
Curiosidade: A fábrica desse brinquedo era brasileira e fechou por volta dos anos 2000.
Memória vivida: O Wanderley, pai do Lorenzo, ganhou o brinquedo de presente dos tios.

Robô Bam-Bô

Data de fabricação: Década de 70
Fabricante: Estrela
Curiosidade: Seus braços e pernas giram, além disso, cai e levanta sozinho.
Memória vivida: O Wanderley, pai do Lorenzo, não desgrudava do brinquedo guando era criança.

Master System III

Data de fabricação: 1985
Fabricante: Sega/Tec Toy
Curiosidade: A Tec Toy criou jogos inéditos no Brasil como Férias frustradas do Pica-Pau e uma versão de Street Fighter II para o Brasil, um jogo que se tornou raríssimo para colecionadores.
Memória vivida: O Diogo, pai do Felipe, ganhou o aparelho do avô, que também colecionava outros vídeo games e jogos da época.

Snif Snif

Data de fabricação: Década de 80
Fabricante: Estrela
Curiosidade: De pelúcia, possui três cores: marrom, branco e caramelo.
Memória vivida: A Geórgia, mãe do Fernando, ganhou o Snif Snif quando tinha seis anos. Ela nos contou que todas as crianças queiram ter esse bichinho de pelúcia para dormir com ele.