Foi incrível como uma carta misteriosa e uma cesta encantada trouxe tanta curiosidade e entusiasmo, envolvendo os alunos neste projeto.

O conto Chapeuzinho Vermelho foi a grande inspiração para o trabalho, por ser uma história muito conhecida pelas crianças e por todos. Eles adoraram viajar na imaginação e nas aventuras de levar os doces para a vovozinha e encontrar o lobo pelo caminho.

Neste projeto exploramos as leituras de diferentes contos, a escrita espontânea do que eles já sabiam sobre as histórias, o levantamento dos procedimentos e a organização das etapas a serem cumpridas, além da revisão textual. A interação entre os alunos foi muito importante no momento da reescrita do conto, tanto no coletivo como em duplas, foi notável o respeito de diferentes opiniões e a colaboração entre eles. Todos estes momentos foram mágicos e inesquecíveis, cada palavra que escreveram e leram.

Ouvir diferentes versões do conto Chapeuzinho Vermelho como Charles Perrault e irmãos Grimm, como de outros autores, deu um suporte grande para usarem muita criatividade em seus textos.

A produção dos livros com as crianças foi uma maneia de compartilhar todos estes conhecimentos adquiridos durante este estudo. Eles se apropriaram das formas da linguagem escrita, além da aprendizagem que envolve a leitura e a oralidade e o resultado não poderia ser melhor – “o livro da reescrita do conto da Chapeuzinho Vermelho!”

O encantamento da culinária e a fantasia dos contos de fadas estiveram presentes no decorrer do projeto e resultou em deliciosos docinhos da cesta de doces da vovó.

Compartilhamos com os alunos e suas famílias a alegria de revelar através de pequenas palavras como os autógrafos, tantas conquistas e aprendizados.

“Como eu mesmo contaria esta história, se a ouvisse de outra pessoa e quisesse passá-la adiante?” (Philip Pullman)

Confira alguns momentos nas fotos abaixo.

[nggallery id=2876 images=30]

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *